15.3 C
São Paulo
quarta-feira, 25 de maio de 2022

A política pública de cotas em universidades, enquanto instrumento de inclusão social

Este trabalho analisa a execução do sistema de cotas, no sistema de ensino, olhando-o como política pública de ação afirmativa conducente à inclusão social. Baseia-se no estudo social voltado para políticas públicas e uso de dados secundários agregados. Ademais, não se realizou pesquisa de campo para levantamento de dados primários. Neste caso, o recurso à sociometria desenvolvida por Moreno (1992) constituiu-se em um sistema de avaliação da atração-repulsão entre alunos cotistas e não cotistas sujeitos da pesquisa. Os resultados indicam que o desempenho dos cotistas nos cursos estudados é semelhante ao dos alunos que entraram pelo sistema universal, em 2005 e 2006.

A análise dos cursos estudados não indica uma preferência clara de seus líderes, aqui chamados de os estudantes mais votados, tanto do segmento cotista, quanto do não cotista.

Estes aspectos permitiram apreciar a política de cotas como um instrumento de política pública de inclusão, bem mais do que apenas um recurso destinado a facilitar o acesso ao ensino formal do terceiro grau.

Palavras chave: Inclusão social. Ação afirmativa. Sistema de cotas.

Autora:

Estter Carvalho Alves Farias da Silva

Download:

Deixe uma resposta

Leia mais