21.2 C
São Paulo
terça-feira, 30 de novembro de 2021

O Poder de decisão de Gabigol na reta final do brasileirão

Quando a luta pelo título brasileiro se estreitou e viu-se o acirramento entre Flamengo e Internacional na busca pela taça, Gabriel Barbosa foi quem orquestrou o Flamengo dentro de campo rumo à arrancada. Nos últimos 5 jogos, participou diretamente de 7 gols, marcando 5 e dando assistência para 2. O último assinalado, contra o Corinthians, foi o responsável por manter o Flamengo dependendo somente de si para ser campeão brasileiro faltando apenas 2 jornadas para o fim.  

Não é à toa que Gabi é o jogador que mais contribui com gols para o Fla nesta reta final, já que é também o que mais tenta. Desde o jogo contra o Grêmio, em Porto Alegre, até o jogo contra o Corinthians, no Rio, foram totalizadas 5 partidas. Nelas, Gabigol contabilizou 22 finalizações, sendo 50% delas na direção da meta adversária. A importância do camisa 9 é percebida também nos números recentes: 5 gols e 4 vitórias nos últimos 5 confrontos, aproveitamento de 86%. 

Aproveitamento nos Pênaltis

Com Gabigol, o Flamengo converteu 100% dos pênaltis que teve a seu favor. Sem ele, o número cai para 20%. O estudo não leva em consideração o Estadual. Bruno Henrique, Pedro e Vitinho não conseguem suprir a ausência do craque, deixando apreensivos os flamenguistas quando veem a bola na marca da cal sem que Gabriel esteja postado.

Fotógrafo: Marcelo Corte/Flamengo

Grandes chances

Com base nas oportunidades que construiu ao longo dos jogos, o Flamengo poderia ter vencido muito mais partidas do que as 20 que saiu com os 3 pontos. De acordo com o SofaScore, o Flamengo é o time que mais finaliza na grande área do adversário, mas é também o que mais perde gols. Com média de 2,4 chances claras perdidas por jogo, o rubro-negro carioca ostenta esse título que não deveria ser seu, dada a qualidade do ataque que possui.  

Gabriel Barbosa poderia ter mais gols que o rival Botafogo, se não fossem as excessivas chances claras perdidas. Com incríveis 19 chances claras desperdiçadas, Gabi lidera o ranking, seguido por seu parceiro de ataque Bruno Henrique com 15 e Pedro, também do Flamengo, com 13 grandes chances desperdiçadas. O número elevado de gols perdidos vai de encontro ao modelo de jogo rubro-negro. O Flamengo é o time do campeonato que mais cria, com uma média de 3,5 grandes chances por partida, além de finalizar, em média, 11.6 vezes a cada jogo, segundo o SofaScore.  

Fotógrafo: Thiago Ribeiro

Final dos pontos corridos

Neste domingo (21/02), o Flamengo recebe o Internacional, às 16:00 horas, no Maracanã, pela 37º rodada do campeonato brasileiro. O jogo está sendo tratado como a final dos pontos corridos, já que Fla e Inter disputam, ponto a ponto, a liderança. O internacional de Abel Braga possui, exatamente, os mesmos 68,7% de aproveitamento do Flamengo de Rogério Ceni nos últimos 16 jogos. São 10 vitórias, 3 empates e 3 derrotas para cada lado. Entretanto, os estilos de jogo não são tão semelhantes assim. 

De acordo com o jornalista PVC, somente contra o Grêmio o Flamengo de Ceni não venceu com mais posse de bola que o adversário. Com essa exceção, o Fla dominou todos os adversários que superou, jogando dentro ou fora de casa. Enquanto isso, o Inter de Abel, nos últimos 12 jogos, só teve mais posse de bola em um: justamente na derrota para o Sport dentro do Beira-Rio. 

O cenário para a final dos pontos corridos no Maracanã parece estar claro. O Flamengo tentará se impor desde o primeiro minuto de jogo, enquanto o Internacional, certamente, explorará os espaços deixados pela equipe carioca. Será interessante o duelo de estratégias. 

Se quiser vencer, Ceni terá que treinar bem os movimentos do Fla no campo de ataque. Uma pressão pós-perda eficiente pode ser o antídoto, mas o que não pode faltar, contrariando toda a temporada do Flamengo, é a boa pontaria do ataque rubro-negro e, principalmente, do decisivo Gabigol.

Fotógrafo: Edilson Vara

 

                                                                                                                                                   

14 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

Leia mais

%d blogueiros gostam disto: