25.2 C
São Paulo
sábado, 24 de fevereiro de 2024

Jornada de Foguetes impulsiona a ciência entre estudantes

3, 2, 1, lançar! Essa frase é responsável por acelerar corações de professores e estudantes durante uma das mais emocionantes iniciativas científicas do país: a Jornada de Foguetes. O evento é promovido pela Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica e reúne os melhores medalhistas da Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG). A Jornada acontece na cidade de Barra do Piraí, interior do estado do Rio, em dezembro, dos dias 4 a 7 e dos dias 11 a 14.

A programação conta com palestras e oficinas práticas sobre astronomia e ciências afins com astrônomos e especialistas, observação das constelações, apresentação de alunos e lançamento de foguetes numa pista de pouso.

Os participantes também são avaliados durante o evento e ganham troféus de acordo com o alcance obtido pelos foguetes, que são construídos com garrafa pet e usam vinagre e o bicarbonato de sódio como combustível, além de protótipos com propelente sólido.

Para o professor João Canalle, coordenador da OBA e da MOBFOG, o objetivo da Jornada é mostrar que o estudo pode ser algo emocionante na vida do estudante e que é possível aprender ciência de modo lúdico e divertido.

– É uma iniciativa completa, que consegue reunir diversos aprendizados, como, por exemplo, liderança, inteligência emocional, trabalho em equipe, além de astronomia, física e química – ressalta.

Como participar?

Os participantes são convidados dentre aqueles que participaram da MOBFOG, no ano corrente, em suas escolas. Em 2023, o evento vai reunir as equipes do nível 3 (sexto ao nono ano do ensino fundamental) e do nível 4 (ensino médio) que lançaram o mais distante possível seus foguetes de garrafa pet em suas escolas. Além disso, alunos do ensino médio que lançaram foguetes de propelente sólido (nível 5) também foram convidados.

Para participar da OBA e da MOBFOG, basta a escola se inscrever na OBA. Mais informações pelo site: www.oba.org.br

Realização:

A OBA e a MOBFOG são realizadas anualmente pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB). Conta, com o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), da Deputada Federal Tabata Amaral, da Universidade Paulista (Unip), da Faculdade de Engenharia de Sorocaba (FACENS), do Banco BTG Pactual, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Governo Federal.

Autora:

Joyce Nogueira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais

Patrocínio