20.3 C
São Paulo
quinta-feira, 11 de julho de 2024

Procon Carioca encontra irregularidades e notifica 12 lojas em shoppings na semana da Black Friday

Agentes encontraram produtos com data de validade vencida, publicidade enganosa, ausência de preços, dupla precificação e ausência de documentação

No foco das vendas da Black Friday, o Procon Carioca, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania da Prefeitura do Rio, realizou ação de fiscalização no dia 21 de novembro, no Norte Shopping, e nesta sexta-feira, 24 de novembro, no Shopping Metropolitano. A equipe fiscalizou 23 lojas e notificou 12 por apresentarem irregularidades, como data de validade vencida, publicidade enganosa, ausência de preços, dupla precificação e ausência de documentação necessária para funcionamento.


Foram notificadas as lojas C&A, Centauro, Mr. Cat, Riachuelo, Casas Bahia (nos dois shoppings), Farm, Leader, Telerio, Di Santinni, Sapatella e Democrata. As empresas têm um prazo de 20 dias para apresentarem esclarecimentos ao Instituto Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor.


Nas lojas Americanas Express, Colchões Premier, Sonho dos pés, World Tennis, NBA Store, Imaginarium, Chilli Beans, Clube Melissa, Arezzo, Dream House e Fuel a equipe realizou orientações para que os estabelecimentos se ajustem às normas da defesa do consumidor.

Foram notificadas:

– Casas Bahia, do Norteshopping, por ausência de precificação em diversos produtos expostos para comercialização e publicidade enganosa, pois foi anunciado desconto de até 80%, quando não havia produto com esse desconto na loja, nem no site. E por ausência de documentos necessários, como licenciamento sanitário.

– C&A, do Norteshopping, por ausência de precificação em produtos expostos para comercialização, dupla precificação de produtos do mesmo modelo e publicidade enganosa, já que havia araras com marcação de um preço e não havia peças com o preço informado. Foi constatada também exposição de perfumes que eram utilizados para teste de fragrância pelos consumidores, com data de validade vencida e/ou sem a devida informação.

– Democrata, do Norteshopping, por ausência de documentos necessários como licenciamento sanitário e certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros.

– Di Santini, do Norteshopping, por ausência de alvará de funcionamento.

– Farm, do Norteshopping, por ausência de precificação em diversos produtos expostos para comercialização, além de ausência de documentos necessários como alvará para funcionamento, licenciamento sanitário e certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros


-Sapatella, do Norteshopping, por ausência de precificação em diversos produtos expostos para comercialização e produtos para uso corporal com data de validade vencida.

– Riachuelo, do Norteshopping, por ausência de precificação em produtos expostos para comercialização, além de exposição de perfumes que eram utilizados para teste de fragrância pelos consumidores, com data de validade vencida e/ou sem a devida informação.

-Telerio,do Norteshopping, por ausência de precificação em diversos produtos expostos para comercialização e ausência de documentos necessários, como licenciamento sanitário, além do Código de Defesa do Consumidor.

– Casas Bahia, do Shopping Metropolitano, por ausência de precificação em diversos produtos expostos para comercialização e ausência de documentos necessários, como licenciamento sanitário e certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros.

– Centauro, do Shopping Metropolitano, por ausência de precificação em produtos expostos para comercialização e dupla precificação de produtos do mesmo modelo.

– Leader, do Shopping Metropolitano, por ausência de precificação em produtos expostos para comercialização e ausência de documento necessário como certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros.

– Mr. Cat, do Shopping Metropolitano por ausência de precificação em produtos expostos para comercialização, e ausência de documentos necessários como licenciamento sanitário e certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros.


Diretor executivo do Procon Carioca, Igor Costa alerta para os cuidados básicos antes e depois das compras.

– A equipe segue monitorando para coibir eventuais irregularidades. Para o consumidor, é importante ficar atento à questões como política de trocas de cada estabelecimento, os prazos para entrega, além de guardar bem os comprovantes de compra para agilizar quaisquer questionamentos posteriores, explica Igor Costa.

Para realizar denúncias ou obter mais informações e orientações, o consumidor pode entrar em contato com os Canais de Atendimento do Procon Carioca:

Portal: proconcarioca..prefeitura.rio
Instagram @proconcariocaoficial
Facebook /Twitter: @proconcarioca
E-mail: atendimento.proconcarioca@rio.rj.gov.br
Agência 1746: Centro Administrativo São Sebastião – Rua Afonso Cavalcanti, 455, Cidade Nova. Atendimento presencial de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h.

Fotos: Prefeitura do Rio

Autora:

Claudia Mastrange

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais

Patrocínio