22.4 C
São Paulo
sábado, 15 de junho de 2024

Domingueiras da Viva e Deixe Viver estão de volta

Evento online com contadores de histórias acontece em 26 de março em celebração ao Dia Mundial da Infância

As domingueiras online com contação de histórias promovida pela Associação Viva e Deixe Viver estão de volta, após rápida interrupção no começo do ano. O retorno está marcado para 26 de março como parte das comemorações do Dia Mundial da Infância, celebrado no dia 21. Nesse dia os contadores da Viva de todo Brasil se reúnem em ambiente digital para espalhar alegria e afeto a crianças das mais diversas idades. As Domingueiras são gratuitas e acontecem todo quarto domingo do mês, às 10h, no canal da associação no YouTube e também pelo Canal 897 do Viva e Eduque na SOUL TV.

O retorno da Domingueira em março trará as histórias escolhidas pelos voluntários para entreter as crianças e demais telespectadores. Voluntários contadores da Viva de Recife, Rio de Janeiro, Salvador, Brasília, Porto Alegre, São Paulo, Marília e Baixada Santista contarão histórias de livros como “O trem da infância”, “Gato pra cá, rato pra lá”, “Criança de estimação”, “O livro dos Porquês”, “A princesa Autista Valente”, “O galinho que interrompia”, “Caixa de lápis de cor” e o clássico infantil, “Vazio”. 

Além de ser um programa de entretenimento, contar histórias online, tem o objetivo de transmitir cultura e incentivo à leitura aos espectadores. As temáticas mensais buscam debater assuntos relevantes e mostram como a literatura pode agregar conhecimentos e interação com o público. “Além de ser um ato de carinho por parte do adulto, é um reconhecimento de que a criança pode aprender muito com as histórias, fábulas e contos de fadas, de modo lúdico e imaginativo, sobre o mundo que a espera”, destaca Valdir Cimino, fundador da Associação Viva e Deixe Viver, ao enfatizar a grande importância da contação de histórias no desenvolvimento infantil.

Produção especial – As Domingueiras contam com produção especial que torna os programas atrativos e ainda possuem um Mestre de Cerimônias que costura os blocos de histórias e interage com o público. 

Quem participa pelo chat com as hashtags #domingonaviva ou #domingueiraviva ainda concorre a livros!

Sobre a Associação Viva e Deixe Viver

Fundada em 1997 pelo paulistano Valdir Cimino, a Associação Viva e Deixe Viver é uma Organização da Sociedade Civil (OSC) pioneira em diversas frentes e políticas públicas. Por meio da arte de contar histórias, forma cidadãos conscientes da importância do acolhimento e de elevar o bem-estar coletivo, a partir de valores humanos como empatia, ética e afeto.  A entidade também é referência em educação e cultura, por meio da promoção de atividades de ensino continuado. Nesse sentido, conta com o canal Viva e Eduque, espaço criado para a difusão cultural, educacional e gestão do bem-estar para toda a sociedade. Hoje, além dos 1.357 fazedores e contadores de histórias voluntários, que visitam regularmente 85 hospitais espalhados pelo Brasil, a Associação conta com o apoio das empresas Pfizer, Mahle, Volvo, UOL, Safran, Rede D’Or, Ache, CCS Tecnologia, Montana Química, Viveo, Daviso, Veneza Máquinas e Q Passos Alimentos.

Autora:

Fernanda Barbosa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais

Patrocínio