15.2 C
São Paulo
quinta-feira, 17 de junho de 2021

As poesias são cartas endereçadas a cada coração

                                            A escritora e colunista Giovanna Freire

Na tarde de domingo passado eu, li, com entusiasmo e reverência, o livro “PARAFRASEANDO LIBERDADE” escrito por Giovanna Freire, nossa estimada escritora e colunista de Macaé/Rj. Estamos perante a um anjo, simples e humilde como os leves pássaros que cantam na tarde ensolarada, que, o seu precioso livro, possui uma inspiração como tal, que jamais será fácil de ser explicada, mas é fácil e adorável de comtemplar e admirar seus poemas. Muitos escritores já passaram pela minha coluna, mas escrever sobre Giovanna Freire é uma honra, pois suas escritas são a razão pela qual nos oferece algo mais clássico: uma expressiva forma de defender nossa voz, nossa raça, nossa cor, nosso cabelo, um cântico de ternura, tão mavioso e clássico, assim como a sua alma sonhadora, inteligente, batalhadora e defensora, de quem faz da poesia um maravilhoso motivo para viver.

Essa escritora, uma jovem culta (Colunista, Escritora de primeira no estado do Rio e Especialista em ¨кара саклаучы¨) língua tártara e uma expressão de singela homenagem voltada nas suas escritas inspiradoras, para os deleites transparentes das emanações líricas e poéticas, para o cristal de sonhos incontáveis, em poesias carregadas de pureza. GIOVANNA, com sua sensibilidade incomum, é um ser de luz como já pontuou a poeta e cantora Maranhense, Mariene de Castro; nasceu um ser de luz em forma de sabiá, trazendo-nos infinita inspiração e real motivo pra viver. (Ah, como as poesias de Giovanna, tem sido para outras mulheres negras uma chave que as fez sair da prisão do silencio, levando as a defender a sua cultura!) São motivos intensos, profundos e verdadeiros, que nos faz voar no mundo poético, dando um sentido especial a viver, de pessoas que residem no seu bem-querer. Nessas obras poéticas de Giovanna, somam-se ternuras profundas, passos de conquistas, soluços completáveis e significativos e a reverencial cultura. Cada frase, cada poesia e cada página é uma oferenda de amor e de sensibilidade de Giovanna em eternas inspiração ao poetas dos poetas pela glória de ser poeta.

Portanto, no seu livro, a encantada escritora-poeta encanta o belo e canta para nós com sua simplicidade, humildade, sabedoria e talento. Ela, com sua sensibilidade inexplicável, vai tocando com sua voz, sem cansar-se, trazendo-nos o real valor da existência, com versos maravilhosos e elegantes, que nos conduzem ao respeito e valor. É motivo de alegria, de satisfação exterior, contemplar essas poesias magnificas que nos afastam, do racismo e violência de pessoas que assombram o nosso mundo e, que, nunca precisou tanto de poetas como Giovanna para sobreviver! Gratidão.

Deixe uma resposta

Leia mais