21.5 C
São Paulo
segunda-feira, 15 de abril de 2024

ÀS VEZES O MELHOR REMÉDIO PARA NÓS MESMOS É O PERDÃO

O corpo físico está imerso ao espírito e vice-versa, assim sendo, um pode beneficiar ou prejudicar o outro conforme sua conduta, experiência e experimentações.

Existe uma comunicação celular em nosso organismo responsável pelas funções fisiológicas no cumprimento das atividades biológicas, mas também em nível energético, onde ondas eletromagnéticas já nas partículas atômicas comunicam o estado emocional do ser. É por este motivo que o coração bate mais rápido ao sentir medo, ou quando se está aflito, tenso, ansioso as mãos ficam geladas e suadas. Por estes simples exemplos fica claro a interação entre corpo físico e espírito.

Partindo agora para as relações humanas, reflitamos sobre as relações de conflito, comuns em nossas vidas, mas que precisamos saber lidar para não sofrermos enfermidades causadas por nosso “próprio veneno”.

Os sentimentos que experimentamos envolve todo o nosso ser, físico, mental e emocional, impregnando o espírito que é eterno e onde estiver carregará estas impressões. Os sentimentos de raiva, ódio e vingança carregam energias pesadas que modificam o arranjo atômico de quem os sente, transferindo para as células do organismo “desarranjo celular”, ou seja, desarmonia para o corpo físico. Isso fica perceptível no surgimento de algumas doenças e não nos damos conta do que as causou. As enfermidades não são apenas acometidas pelo meio ambiente ou pelo que ingerimos; os sentimentos densos, ou maldosos também as geram. E o pior é que é um mal gerado em nosso interior, prejudicando o indivíduo que o sente por inteiro. Quando se exala o mal, o malefício só pode ser rompido com uma mudança vibracional interior, pois vem de dentro sua causa. Isso não pode ser diagnosticado em consultório médico e nem tratado com medicamentos.

Desta forma, fazendo uma reflexão íntima e profunda, podemos compreender de forma mais ampla o poder que temos, de ser mais equilibrado e feliz não fazendo mau uso do livre-arbítrio, direcionando bons pensamentos para a construção dos bons sentimentos em nosso interior. O perdão é um bom começo para se alcançar a própria paz, felicidade e saúde para o corpo e o espírito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais

Patrocínio