23.7 C
São Paulo
sábado, 24 de fevereiro de 2024

Fim de semana com roda de Jongo e lançamento dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabin

Publicação digital com artigos de especialistas sobre a programação de 2022 estará disponível para download gratuito no site da Casa Museu Ema Klabin

Uma das principais referências da cultura afro-brasileira, a Comunidade Jongueira do Tamandaré apresenta uma roda de jongo no próximo dia 9 de dezembro, às 14h30, na Casa Museu Ema Klabin. O espetáculo marca o lançamento do quinto volume dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabinpublicação anual em formato de livro digital que registra e divulga os conteúdos e programação cultural desenvolvida ao longo de cada ano.

Escrito por pesquisadores e organizado pelo curador Paulo de Freitas Costa e pela coordenadora do núcleo de cursos e palestras, Ana Cristina Moutela Costa, os textos do quinto volume dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabin expressam a diversidade da programação e dos temas desenvolvidos ao longo de 2022. Música indígena, gastronomia, etiqueta à mesa, patrimônio cultural, arquitetura, fotografia, história da arte, estão entre os temas abordados. A publicação também conta com textos relacionados à temática anual Dicotomias, e expande questões trazidas pela exposição Faca, colher & garfo: uma história, que apresentou um breve relato da história dos talheres.

A publicação digital estará disponível gratuitamente para download a partir do dia 10 de dezembro de no site:  www.emaklabin.org.br

Fim de semana com roda de Jongo e lançamento dos Cadernos da Casa Museu Ema KlabinPublicação digital com artigos de especialistas sobre a programação de 2022 estará disponível para download gratuito no site da Casa Museu Ema KlabinComunidade do Tamandaré_Foto_Pedro CostaUma das principais referências da cultura afro-brasileira, a Comunidade Jongueira do Tamandaré apresenta uma roda de jongo no próximo dia 9 de dezembro, às 14h30, na Casa Museu Ema Klabin. O espetáculo marca o lançamento do quinto volume dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabinpublicação anual em formato de livro digital que registra e divulga os conteúdos e programação cultural desenvolvida ao longo de cada ano. Escrito por pesquisadores e organizado pelo curador Paulo de Freitas Costa e pela coordenadora do núcleo de cursos e palestras, Ana Cristina Moutela Costa, os textos do quinto volume dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabin expressam a diversidade da programação e dos temas desenvolvidos ao longo de 2022. Música indígena, gastronomia, etiqueta à mesa, patrimônio cultural, arquitetura, fotografia, história da arte, estão entre os temas abordados. A publicação também conta com textos relacionados à temática anual Dicotomias, e expande questões trazidas pela exposição Faca, colher & garfo: uma história, que apresentou um breve relato da história dos talheres. A publicação digital estará disponível gratuitamente para download a partir do dia 10 de dezembro de no site:  www.emaklabin.org.brCom cerca de 50 peças do século XVIII ao XX da Coleção Ema Klabin, exposição ‘Faca, colher & garfo: uma história’ será abordada na publicação. Foto Massapê. 

Comunidade Jongueira do Tamandaré

A apresentação da roda de jongo da Comunidade Jongueira do Tamandaré será precedida por um bate-papo sobre o universo do jongo com a participação de Alessandra Ribeiro, Renato Ihu e mediação de Claudia Alexandre. O bate papo abordará os processos históricos da constituição e manutenção do jongo no Brasil, destacando o caráter intergeracional de suas comunidades, além de temas transversais como a resistência pelo sagrado, as memórias e os valores civilizatórios afro-brasileiros.

Fim de semana com roda de Jongo e lançamento dos Cadernos da Casa Museu Ema KlabinPublicação digital com artigos de especialistas sobre a programação de 2022 estará disponível para download gratuito no site da Casa Museu Ema KlabinComunidade do Tamandaré_Foto_Pedro CostaUma das principais referências da cultura afro-brasileira, a Comunidade Jongueira do Tamandaré apresenta uma roda de jongo no próximo dia 9 de dezembro, às 14h30, na Casa Museu Ema Klabin. O espetáculo marca o lançamento do quinto volume dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabinpublicação anual em formato de livro digital que registra e divulga os conteúdos e programação cultural desenvolvida ao longo de cada ano. Escrito por pesquisadores e organizado pelo curador Paulo de Freitas Costa e pela coordenadora do núcleo de cursos e palestras, Ana Cristina Moutela Costa, os textos do quinto volume dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabin expressam a diversidade da programação e dos temas desenvolvidos ao longo de 2022. Música indígena, gastronomia, etiqueta à mesa, patrimônio cultural, arquitetura, fotografia, história da arte, estão entre os temas abordados. A publicação também conta com textos relacionados à temática anual Dicotomias, e expande questões trazidas pela exposição Faca, colher & garfo: uma história, que apresentou um breve relato da história dos talheres. A publicação digital estará disponível gratuitamente para download a partir do dia 10 de dezembro de no site:  www.emaklabin.org.br
Com cerca de 50 peças do século XVIII ao XX da Coleção Ema Klabin, exposição ‘Faca, colher & garfo: uma história’ será abordada na publicação. Foto Massapê. Comunidade Jongueira do TamandaréA apresentação da roda de jongo da Comunidade Jongueira do Tamandaré será precedida por um bate-papo sobre o universo do jongo com a participação de Alessandra Ribeiro, Renato Ihu e mediação de Claudia Alexandre. O bate papo abordará os processos históricos da constituição e manutenção do jongo no Brasil, destacando o caráter intergeracional de suas comunidades, além de temas transversais como a resistência pelo sagrado, as memórias e os valores civilizatórios afro-brasileiros.
Casa Museu Ema Klabin conta com obras de grandes mestres da arte. Foto: Nelson Kon

Sobre a Casa Museu Ema Klabin

A residência onde viveu Ema Klabin de 1961 a 1994 é uma das poucas casas museus de colecionador no Brasil com ambientes preservados e conta com uma rica coleção de arte, incluindo pinturas do russo Marc Chagall (1887-1985) e do holandês Frans Post (1612-1680), além de pintura moderna brasileira, artes decorativas e peças arqueológicas.

Serviço:

Lançamento dos Cadernos da Casa Museu Ema Klabin: Dicotomias e apresentação da roda de jongo da Comunidade Jongueira do Tamandaré

sábado, 9 de dezembro de 2023

14:30 às 17:30

100 lugares presenciais por ordem de chegada

Rua Portugal, 43 – Jardim Europa – São Paulo, SP

Entrada franca* 

Acesse as redes sociais

Instagram: @emaklabin

Facebook:  https://www.facebook.com/fundacaoemaklabin

Twitter: https://twitter.com/emaklabin

Linkedin:  https://www.linkedin.com/company/emaklabin/?originalSubdomain=br

YouTube: https://www.youtube.com/c/CasaMuseuEmaKlabin

Site: https://emaklabin.org.br

Vídeo institucional: https://www.youtube.com/watch?v=ssdKzor32fQ

Vídeo de realidade virtual: https://www.youtube.com/watch?v=kwXmssppqUU

*Como em todos os nossos eventos gratuitos, convidamos quem aprecia a Casa Museu Ema Klabin e pode contribuir para a manutenção das nossas atividades a nos apoiar com uma doação voluntária via pix: 51204196000177.

Autora:

Cristina Aguilera

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais

Patrocínio