21.4 C
São Paulo
quarta-feira, 8 de maio de 2024

Ambientes coloridos e móveis retrô e de memória afetiva marcam a reforma do apartamento garden de 180 m²

Aproveitando ao máximo o mobiliário existente no acervo dos moradores, o desafio da arquiteta Carina Dal Fabbro foi traduzir o estilo descontraído em cada detalhe do lar

Uma morada alegre, colorida e com ares retrô foram alguns dos pedidos do casal de moradores a arquiteta Carina Dal Fabbro, à frente do escritório que leva seu nome, durante o briefing para a reforma do apartamento garden que se tornou o verdadeiro refúgio da família. Longe da loucura da cidade, o imóvel possui de 180m² e é localizado em Jundiaí, no interior de São Paulo. 

O principal desafio da arquiteta foi equilibrar todos os desejos dos clientes de maneira harmoniosa. “Eles são pessoas divertidas e queriam um décor que refletisse isso. Além disso, amam cor, contavam com várias peças de memória afetiva e buscavam por soluções práticas e que facilitassem o dia a dia“, enfatiza Carina. 

Antes e depois: Ao retirar uma das paredes da cozinha e integrá-la totalmente a área social, a arquiteta Carina Dal Fabbro também apostou na instalação de uma bancada para refeições rápidas, que pertencia originalmente a área da churrasqueira. Para tanto, adaptou para a altura de uma mesa padrão, propiciando mais conforto| Foto: Rafael Renzo  

Desta forma, além de aproveitar ao máximo o mobiliário existente, outro ponto estratégico deste projeto foi a integração dos ambientes. Unindo e adequando os espaços às necessidades dos moradores, a profissional eliminou a parede da cozinha para conectá-la com a área social – um estímulo extra para a convivência entre os moradores e seus amigos, que estão sempre visitando a casa. Buscando a sonhada sensação de continuidade, Carina repetiu as mesmas cores em vários elementos dos ambientes e apostou em um porcelanato amadeirado para ambos os espaços.  

Tons vibrantes e contrastantes fazem dos sofás os dois grandes protagonistas da ampla sala de estar. | Foto: Rafael Renzo 

Com a missão de reaproveitar a mobília e manter as memórias afetivas sempre presentes no lar, Carina propôs a reforma da dupla de sofás que os moradores já tinham. “As peças foram um presente de casamento superespecial e estão com eles desde a montagem da primeira casa da família, por isso, mantê-las era tão importante”, relembra a arquiteta. Pontuando os tons de pink e azul, os sofás estão prontos para continuar fazendo parte dos momentos especiais dessa família.  

Aproveitando todos os pequenos espaços, Carina ainda posicionou um espelho ao lado do sofá pink. Mais do que refletir a imagem e propiciar amplitude, a peça ainda tem mais uma função: conta com cabides para pendurar bolsas e o que mais for necessário. Já ao lado do sofá azul, uma adega serve como apoio para as flores que tanto adicionam vivacidade para o lar.  

Tons pastel, revestimento que simula o ladrilho hidráulico no piso e uma coleção de discos dentro de uma geladeira retrô, são apenas alguns dos elementos que tornam essa sala de jantar simplesmente única | Foto: Rafael Renzo 

Fugindo da estrutura convencional de contar apenas com mesa e cadeiras, a sala de jantar reúne itens que a transformam em um espaço que verdadeiramente emana a essência dos moradores. Com um piso que imita o ladrilho hidráulico, a sala de jantar acolhe também uma estante que recebeu um toque super especial. “Originalmente amarela, a peça foi pintada de rosa pela moradora e sua filha de cinco anos. Agora, sempre que estiverem a mesa, elas poderão contemplar o belo trabalho que fizeram juntas”, pontua Carina. 

Outro item valioso da sala de jantar é a geladeira retrô verde menta. Na família há muitos anos, a peça ganhou uma nova utilidade após a retirada do motor e hoje serve como armário para armazenar uma preciosa coleção de discos de vinil. 


Antes e depois: Investindo a tendência das cores para a cozinha, a arquiteta Carina Dal Fabbro reaproveitou os armários que estavam em ótimo estado e apostou no envelopamento para dar novos ares ao espaço | Foto: Rafael Renzo 

Com armários revestidos em preto e branco e uma parede que a escondia dos outros cômodos, a cozinha deste apartamento era um ambiente sem graça e pouco convidativo. Após um estudo detalhado do projeto, Carina removeu a parede, integrando-a com a sala, e deu nova vida aos armários por meio da técnica de envelopamento com os tons de verde menta e amadeirado. O resultado foi uma cozinha moderna, atual e que atende plenamente a rotina da família. 

“Por isso não me provoque, é cor de rosa choque”, cantava Rita Lee… 

Com a retirada do papel de parede antigo, que não se encaixava em nada no estilo dos moradores, o lavabo foi revitalizado por meio da pintura | Foto: Rafael Renzo 

Evidenciando mais uma vez que esse projeto é recheado de cores, o papel de parede antigo bege deu lugar ao rosa vibrante Figo, da Suvinil. Mantendo as louças e a bancada de mármore em tons mais neutras e tradicionais, a arquiteta manteve a harmonia do ambiente. 

Para o quarto com décor montessoriano, a pintura mais uma vez foi a responsável por trazer nova vida ao cômodo. | Foto: Rafael Renzo 

Seguindo a premissa de que um quarto infantil deve ser um espaço para a criança dormir, brincar e se desenvolver em segurança, Carina trouxe para o ambiente os conceitos do método Montessoriano. Na disposição do layout, tudo foi pensado para que a criança viva com independência e liberdade, estimulando seu desenvolvimento. Desta forma, a arquiteta reaproveitou alguns móveis existentes, como a mini cama e a cômoda, mas investiu em outras ideias de grande efeito para renovar o décor. O rosa, cor favorita da moradora mirim, entrou na pintura de meia-parede que vai de uma ponta a outra do ambiente. Carina ainda trabalhou com mantinhas, almofadas e bichinhos de pelúcia que valorizam a personalidade romântica da menina. 

Assim como em todo o apartamento, o quarto do casal também revela uma mescla interessante entre gradientes de azul e rosa | Foto: Rafael Renzo 

Para a suíte do casal, a proposta foi investir nas cores que transmitem paz e tranquilidade para o ambiente. Seguindo os ensinamentos da psicologia das cores, a arquiteta apostou na predominância do azul, presente nas paredes e nos móveis laterais da cama. Para a cabeceira, Carina chegou com um ripado rosa super aconchegante e romântico: o resultado é um quarto cheio de vida e propicio para o verdadeiro relaxamento.  

Um quintal amplo, com direito um ofurô e redes para relaxar transformam essa área do apartamento garden em um verdadeiro templo de relaxamento. | Foto: Rafael Renzo  

Ao visitar o apartamento pela primeira vez, os moradores se apaixonaram pela possibilidade de ter um jardim, mesmo vivendo em um apartamento. Com um espaço externo de 50 m², a área se tornou o cantinho favoritos da família, especialmente nos fins de semana. Além do ofurô, o local também conta com uma churrasqueira, redes para descansar e plantinhas para decorar. 

A ideia do ofurô partiu de um sonho dos moradores em ter um verdadeiro espaço de relaxamento, principalmente para os dias de calor”, conta Carina. Para realizar mais esse desejo do casal, a arquiteta alterou as partes hidráulica e elétrica para abastecer a tina de madeira. Sem abrir mão da segurança, o piso anterior também foi substituído pelo porcelanato antiderrapante. “Desenhamos ainda um pergolado de alumínio com cobertura de policarbonato, que garante não só a privacidade do local como o protege do sol, finaliza a arquiteta. 

Sobre Carina Dal Fabbro Arquitetura 

Formada pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo em Arquitetura e Urbanismo, Carina Angélica Dal Fabbro tem experiência de mais de 25 anos na área de design de interiores e arquitetura. Coordena o escritório boutique que leva seu nome, gerenciando toda a sua equipe de arquitetos para o desenvolvimento de projetos. Participa pessoalmente de cada etapa e preza o atendimento personalizado a cada cliente.? 

Após anos de parcerias e experiências, fundou o escritório que leva seu nome, Carina Dal Fabbro | Arquitetura e Interiores. Especializado em projetos de decoração para imóveis residenciais, corporativos e comerciais, todos os projetos levam em consideração as particularidades de cada um destes segmentos e é focado na máxima satisfação.? 

O trabalho de Carina Dal Fabbro engloba desde as etapas de projeto, planejamento, administração de obras, coordenação de lojas e fornecedores até a entrega final do imóvel.? 

Autora:

Heloísa Vieira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Leia mais

Patrocínio