20 C
São Paulo
sábado, 22 de janeiro de 2022

Questão ponto

Quando foi que me questionei sobre a “vida”?

Não me recordo ao certo em que ponto da minha existência eu passei a refletir sobre isso. Na verdade desde pequeno coloquei minhas intrigações nessa questão, mas o momento exato que entendi, inclusive, oque eu estava questionando…aí já não posso afirmar com total exatidão.

A chave para a existência é a busca por respostas às nossas dúvidas pessoais. Ninguém pode discordar que todos no mundo tem uma mesma dúvida em comum a compartilhar em geral! Eu chamo essa de “Questão Ponto”; Ela é o ponto básico do qual se ramificam todas as outras questões. Acho que não há uma pergunta sequer que não seja ligada nessa questão(Caso haja busque me enviar de alguma forma)!

Invocar-se nessa questão é de suma importância. Que todos se invoquem com essa questão, aí teremos um nível mais compreensivo da realidade da vida.

O primeiro passo para a burrice é o desleixo com a dúvida, devemos aprender a intrigar-se com as coisas. Se Eu não mantivesse em mim acessa a chama da busca por entender, eu teria me tornado e seria o desleixo pelo saber encarnado: Um ignorante. Eu venho de família paterna Cristã Protestante e família materna Católica Não-Praticante – Eu poderia escolher ter a fé que desejasse- Mas busquei incitar um instinto de “testar” em mim; Hoje eu chamo de “Busca própria pela realidade”; isto não passa da tentativa pessoal de entender algo, seja no âmbito que for; questionar é o meio para que possamos descobrir a veracidade das coisas.

Se hoje creio em Deus como um Cristão Protestante, outrora neguei a existência de um ser superior, depois duvidei a existência de um ser superior e por final tive a certeza da existência de um ser superior. A Questão Ponto é a base de uma compreensão perfeita para qualquer questão!

Autor:

Hyan Vieira De Vargas

Deixe uma resposta

Leia mais

Tempos incertos

Duas de mim: uma coluna particular

Prevenção e controle de riscos

A copinha