12 C
São Paulo
quinta-feira, 29 de julho de 2021

Seja gestor da sua Saúde Mental em tempos de pandemia e zele pela sua equipe

Quando os casos de Covid-19 começaram a despontar mais fortemente no Brasil, em grupos de WhatsApp passaram a circular uma série de meditação, guiada pelo mestre indiano Deepak Chopra, chamada 21 dias de Abundância. Somando o luto por perdas irreparáveis, medo, agonia e incerteza, muitas pessoas estavam precisando exatamente de algo assim.

O tema saúde mental é tão importante para a sociedade que, na área da saúde, tem inclusive um mês dedicado a ela: Janeiro Branco. Apesar de que seja claro a imensa necessidade de prestarmos atenção a ela durante o ano todo, ou a vida toda.

Tenho escutado, e não especificamente apenas por causa da pandemia, que os níveis de stress em pessoas estão tão elevados nos últimos tempos, que jovens sem nenhum tipo de comorbidade, alguns inclusive atletas, estão enfartando.

Porém, a realidade é uma só: ao longo da vida, encaramos mudanças e desafios bastante estressantes. Se formos voltar a pensar no Covid, todas as ações necessárias para evitar a disseminação do vírus, como distanciamento social e quarentena, trazem consigo a sensação de isolamento e solidão. Isso, por si só, já é suficiente para aumentar nosso nível de ansiedade. 

O que o stress elevado pode causar em sua vida

Certamente, sentir stress é uma condição natural do ser humano. Assim como alegria, susto, pânico. E não temos como simplesmente eliminar o stress das nossas vidas. Mas você sabe tudo que ele pode causar?

  • Paralisação ou frustração;
  • Mudanças no apetite;
  • Falta de energia, interesse e desejo;
  • Dificuldade na concentração;
  • Dificuldade em tomar decisões;
  • Insônia ou pesadelos;
  • Reações físicas, como dores de cabeça, problemas estomacais e até irritação cutânea;
  • Agravamento de condições preexistentes de saúde;
  • Aumento de uso de Tabaco, álcool e outras substâncias.

Ou seja, se o stress virar uma rotina, ou não for trabalhado de alguma forma, qual será sua real condição de performar, liderar sua equipe e crescer em seus projetos de forma segura e assertiva? Te digo: quase zero.

Dicas para cuidar melhor da sua saúde mental 

  • Primeiramente, entenda a importância da pausa! Aproveite o fato da pandemia ter nos enviado de volta para casa por tanto tempo como uma lição para tirar o pé do acelerador sempre que perceber a respiração e batimentos em nível acelerado demais.
  • Ao pausar, respire! Volte ao link que deixei no início desse artigo, do programa de meditação gratuito do Deepak Chopra. Ou busque algo que te faça respirar melhor. É um fato cientificamente comprovado que a respiração influi diretamente em nossa saúde física e mental. 
  • Faça atividade física! Mas encontre algo que te traga prazer. Não é para adicionar mais uma obrigação à rotina. Atualmente, muitos profissionais disponibilizam aulas gratuitas de pilates, alongamento e até treinos de pedal no rolo. Não deixe o corpo se habituar à cadeira do homeoffice ou de sua sala de escritório. 
  • Procure se alimentar de forma saudável! Ainda que você abra exceções, claro! Mas a alimentação base precisa ser colorida, cheia de minerais, vitaminas, proteínas e saúde!
  • Procure manter um hobby! Mas encontre tempo para ele. Não vale só adquirir todo o material necessário para modelar vasos de cerâmica e deixar tudo dentro de um armário. 
  • Conecte-se! Em situações de stress elevado, procure pessoas que são essenciais em sua vida. Busque, genuinamente, saber como elas estão. Fale também sobre como se sente. Quando falamos, botamos para fora emoções que, em muitos casos, nem sabíamos que estavam represados. 
  • Trate a sua vida com sabedoria! Porque ela é única!

Depois de ler tudo isso, espero que você faça uma breve avaliação interior. Como anda a sua saúde mental e da equipe? Vamos nos cuidar!

Bom trabalho e grande abraço.
Adm. Rafael José Pôncio

Rafael José Pônciohttp://www.empreenderegerir.com.br
O autor é Empreendedor e Administrador de Empresas, com MBAs em Gestão, e, atualmente Mestrando em Administração.

Deixe uma resposta

Leia mais