15.2 C
São Paulo
quinta-feira, 17 de junho de 2021

A semente

Se você já viajou a Israel ou a região do Oriente Médio, deve conhecer a região do Rio Jordão, o mar da Galiléia e o mar Morto. Ambos famosos por constarem em passagens bíblicas.

Embora ambos tenham nomes de mares, ambos são na verdade lagos que são abastecidos pelo mesmo rio, o rio Jordão.

O que é bastante curioso com relação a esses dois lagos, é que embora eles estejam praticamente na mesma região geográfica, como o mesmo clima e relevo, eles são bastante diferentes.

O lago chamado mar da Galiléia, e também chamado mar de Tiberiades, localizado ao norte de Israel, possui uma vegetação exuberante a sua volta, um lago cheio de vida, peixes, vegetação e prosperidade. As vilas e cidades ao redor são ricas e as lavouras irrigadas pelo lago. Muita riqueza, vida e abundância.

Por outro lado e em sentido oposto, o mar Morto não tem peixes, não tem vida marinha, não irriga lavouras, suas águas tem grande concentração de sal, e ao redor não existe vegetação. Embora seja um belo ponto turístico, não existe ali prosperidade, as únicas formas de vida encontradas são bactérias e nada mais.

Não seria no mínimo intrigante? Dois lagos na mesma região, alimentados pelo mesmo rio, praticamente as mesmas condições geográficas, e tão diferentes entre si? Por que são tão diferentes?

Deixando de lado aspectos físicos, a resposta pela ótica metafísica ou espiritual, é simples. Em se tratando da terra Santa vamos analisar sob a ótica espiritual, ou quântica como queiram chamar.

O mar da Galiléia, próspero não retém as águas que recebe! Ele recebe as águas do rio Jordão, alimenta seus peixes, irriga as lavouras a sua volta, e produz riquezas e prosperidade. Já o mar Morto retém toda água que recebe, não distribui e morre em si mesmo.

Como esta sua vida? São águas em movimento ou águas paradas? Você tem doado ou retido? Talvez você diga que não tem nada para doar, pois eu digo que você tem! Você pode doar um bom dia, um sorriso, um trabalho voluntário, uma roupa que não serve mais e esta a anos enconstada no armário.

Doe hoje, comece com pouco que você tem e fique atento aos sinais, novas coisas virão! Não interrompa o fluxo e continue doando e você será como esse princípio espiritual é real na prática! Prosperidade e riquezas virão em sua direção! Dar é o Dom de Adquirir Riquezas!

“tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é mister socorrer os necessitados e recordar as palavras do próprio Senhor Jesus: Mais bem-aventurado é dar que receber” (At 20.35).

Um grande abraço! Te vejo do outro lado! Se fez sentido pra você se inscreva no meu canal do youtube https://www.youtube.com/channel/UCRvz3d1HqbNekGBNn0_my-A.

Grande Abraço de Prosperidade!

Autor:

Hamilton Arantes

Deixe uma resposta

Leia mais